Segurança

Vereadores da RMC falam sobre problemas com segurança

 

Durante a última reunião do Parlamento Metropolitano da RMC (Região Metropolitana de Campinas), realizada no dia 04 de agosto em Morungaba, os presidentes de Câmaras e vereadores discutiram sobre algumas necessidades na área de segurança comuns aos 20 municípios. No mesmo dia também houve palestra da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) sobre a isenção de tarifa para pessoas com deficiência e a possibilidade de convênio entre as prefeituras e o Hospital Psiquiátrico Seara de Americana, para internação de pacientes dependentes químicos.

O presidente da Frente Parlamentar Metropolitana sobre Segurança, o presidente da Câmara de Americana Dr. Alfredo Ondas falou sobre as necessidades das cidades que fazem parte da RMC, que convivem, principalmente, com a insegurança e a falta de pessoal, especialmente, na Polícia Civil. “Quando assumimos o Parlamento ouvi de vários colegas os problemas relacionados à segurança, inclusive da Polícia Civil, da qual faço parte. Atualmente temos uma grande defasagem, há inclusive cidades onde as prefeituras e as Câmaras cedem funcionários às delegacias para que os serviços prestados à população funcionem melhor”, comentou ele.

O presidente, que é delegado de polícia há muitos anos, falou aos presentes sobre a necessidade deles passarem as reais situações que enfrentam no dia a dia das cidades, para que possam mostrar aos responsáveis pela Secretaria de Segurança do Estado de São Paulo. “Quero saber dos vereadores, até podemos questionar às Prefeituras, mas queremos saber de pessoas que vivem nas cidades, pois são os vereadores que acompanham os cidadãos e tem noção da real situação”.

O presidente da Câmara de Hortolândia Zaca passou ao delegado as informações sobre sua cidade. “Em Hortolândia também sofremos com a falta de policiais, seja da civil quanto da militar, estes últimos ficam direcionados para a escolta de presos do presídio, prejudicando o trabalho nas ruas. Também temos muitos casos de violência contra a mulher e nenhum setor especializado. São mais de 120 mil mulheres na cidade sem atendimento para casos de violência”.

EMTU

Na mesma manhã foi passado aos vereadores a possibilidade de levar as suas cidades as informações para que a população com deficiência consiga isenção de tarifa metropolitana. Os funcionários da empresa passaram informações de que as Prefeituras podem fazer um convênio de cooperação técnica e apoio recíproco para que os portadores de deficiência possam utilizar o passe da EMTU também nos ônibus municipais.

SEARA

A equipe do Hospital Psiquiátrico Seara, de Americana, também esteve na reunião de Morungaba para oferecer aos vereadores a possibilidade de um convênio com as cidades da RMC para internação de dependentes químicos e portadores de doenças mentais.

RUA JOSEPH PAUL JULIEN BURLANDY, 250 - PQ. GABRIEL - HORTOLÂNDIA/SP - CEP 13186-620 - TEL(19) 3897-9900

Horário de Atendimento ao Munícipe - De segunda a sexta-feira das 08:00 às 17:00 horas