Vereadores de Hortolândia se reúnem com chefe da Presidência da EMDEC

O objetivo da reunião foi conhecer a lei que regulamenta o transporte privado por aplicativos em Campinas

 

COMISSO EMDECNa tarde desta última quinta-feira, 13/09, os vereadores e membros da Comissão de Assuntos Relevantes para discutir regras das leis de transporte remunerado privado de Hortolândia, Eduardo Lippaus (PT) e Paulo Pereira Filho (PRP), o Paulão, estiveram reunidos com o chefe de gabinete da Presidência da Emdec (Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas), o Sr. Paulo Bojikian Giglo. O encontro teve como objetivo conhecer a lei que regulamenta o transporte privado por aplicativos em Campinas, suas dificuldades, erros e acertos, a fim de contribuir na formulação da lei que será apresentada pelo município hortolandense.

 

Assim como aconteceu em Hortolândia, a Emdec foi procurada pelos taxistas que se sentiam prejudicados pelos motoristas por aplicativos, e para resolver o impasse e as muitas brigas que estavam acontecendo naquele momento, foi necessário a regulamentação. “Nós entendemos que a União quem deveria legislar nessa situação, porém, não tinha uma lei específica e as cobranças por parte dos taxistas eram muitas, então fizemos uma minuta de projeto de lei e encaminhamos à Prefeitura, que cuidou de mandar à Câmara e dessa forma regular o transporte por aplicativo”, explicou Giglo.

Na oportunidade, Giglo também falou da criação da identificação desse tipo de transporte, uma forma de facilitar o trabalho da fiscalização. Todos os motoristas por aplicativos que circularem em Campinas, sendo de outra cidade e pegando uma corrida iniciada em Campinas, precisa usar este selo. Sobre essa questão, os vereadores Lippaus e Paulão sugeriram a criação de uma identificação única para as cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC). “Penso que poderíamos pensar em uma forma unificada de identificação, imagina quantos selos desses os motoristas precisam ter para entrar em cada município da Região, se cada um criar o seu? Entendo que essa é uma discussão que deve acontecer com os chefes do Executivo, mas, através do Parlamento Metropolitano, podemos colocar essa questão”, analisa o vereador Paulão.

Para o parlamentar Lippaus, a reunião foi muito produtiva e esclarecedora. “Achei muito importante esse encontro, porque alguns tópicos que tínhamos elencados para conter na minuta do projeto de lei, serão retirados. Não queremos travar a vida dos motoristas por aplicativos, queremos contribuir na sua regulamentação, de forma que sejam respeitados seus direitos, assim como os dos taxistas e principalmente, a segurança do cidadão que faz uso dos aplicativos”, comenta Lippaus.

Os vereadores hortolandenses asseguram que essa reunião abriu um leque de possibilidades quanto à regulamentação, assim como a retirada de alguns itens que haviam sido colocados e em nada contribuiria para o bem comum.

A próxima reunião da Comissão acontece dia 18 de setembro, às 14h no plenário da Câmara Municipal, localizada à rua Joseph Paul Julien Burlandy, 250, Pq. Gabriel.

 

RUA JOSEPH PAUL JULIEN BURLANDY, 250 - PQ. GABRIEL - HORTOLÂNDIA/SP - CEP 13186-620 - TEL(19) 3897-9900

Horário de Atendimento ao Munícipe - De segunda a sexta-feira das 08:00 às 17:00 horas